Future of Money

Fundação Solana oferece prêmios de R$ 100 mil no Brasil em busca de "talentos da Web3"

Organização por trás do blockchain Solana tem intensificado iniciativas no mercado brasileiro, com foco em formação de profissionais

Solana é um dos principais projetos do mundo cripto (Getty/Getty Images)

Solana é um dos principais projetos do mundo cripto (Getty/Getty Images)

Cointelegraph
Cointelegraph

Agência de notícias

Publicado em 11 de julho de 2024 às 09h30.

A Fundação Solana anunciou que está em busca de "talentos da Web3" no Brasil, por meio do Talent Olympics, o primeiro hackathon de talentos em Web3 no país. O evento é organizado pelo Superteam e vai dar mais de R$ 100 mil em prêmios e a chance dos participantes serem entrevistados por mais de 50 empresas líderes na indústria.

Entre as empresas participantes estão nomes de peso no ecossistema da Solana, includindo as brasileiras Khiza, Transfero, Jungle e Coinlivre. Segundo destacou o Superteam da Solana no Brasil, essas empresas estão em busca de talentos que possam contribuir para o avanço da tecnologia blockchain e Web3.

A plataforma Superteam Earn, através de recompensas, projetos e bolsas, facilita a distribuição de trabalho para profissionais nativos do universo cripto, permitindo que eles encontrem oportunidades "bem remuneradas e significativas".

Os usuários do Superteam Earn podem participar de diferentes tipos de atividades, como tarefas específicas com recompensas em criptomoedas e projetos de maior duração. Além disso, a plataforma oferece financiamentos sem participação acionária destinados a apoiar desenvolvedores e construtores.

Recentemente, a Solana anunciou um investimento de mais de R$ 5 milhões no Brasil, focado em criadores de conteúdo e iniciativas educacionais. O primeiro projeto dessa iniciativa é o DEFIHACK, um hackathon voltado para o desenvolvimento de soluções DeFi.

  • Uma nova era da economia digital está acontecendo bem diante dos seus olhos. Não perca tempo nem fique para trás: abra sua conta na Mynt e invista com o apoio de especialistas e com curadoria dos melhores criptoativos para você investir.  

Além do Talent Olympics, a Solana estará presente no evento Blockchain Rio para anunciar novos investimentos. Com o objetivo de investir R$ 5 milhões exclusivamente em criadores de conteúdo e educadores brasileiros, este investimento se soma aos R$ 50 milhões anunciados no início do ano para outras iniciativas no país.

O interesse da Solana no Brasil esta em linha com o crescente interesse dos brasileiros em cripto. Uma recente pesquisa da Coinbase destacou que 66% dos brasileiros acreditam que os criptoativos podem aumentar a liberdade econômica e, consequentemente, ser uma alternativa aos investimentos tradicionais do mercado financeiro. Além disso, 69% dos entrevistados concordam com a afirmação de que cripto "veio para ficar”.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | TikTok

Acompanhe tudo sobre:BlockchainCriptomoedasCriptoativos

Mais de Future of Money

Kamala Harris pode ser 'muito mais receptiva' às criptomoedas que Biden, diz Mark Cuban

Presidente do Banco Central quer "superapp" de finanças integrado com inteligência artificial

Ferrari anuncia que vai aceitar pagamentos em criptomoedas na Europa

Worldcoin, projeto de Sam Altman, nega acusações de insider trading de criptomoeda própria

Mais na Exame